Resultado de pesquisa sobre vitrines é apresentado na CDL

30/04/2019

Com o auditório praticamente lotado, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Araranguá recebeu na noite de segunda-feira (29/04), a acadêmica do curso superior Tecnologia em Design de Moda do Instituto Federal de Santa Catarina (Ifsc), Emily P. Emerin, que, sob a supervisão da professora Graziela B. Kauling, apresentou o resultado da pesquisa intitulada “A importância das Vitrines em Araranguá”. Os ingressos, que eram limitados, esgotaram em pouco tempo, visto a importância que lojistas e vendedores encaram o assunto.

A abertura do evento foi feito pelo presidente da CDL, Luiz Gonzaga Pereira, que deu as boas-vindas a todos, enaltecendo ainda a parceria que sempre é realizada com o Ifsc. Dando início à apresentação, Emily informou que a pesquisa foi realizada com a utilização de uma plataforma do Google. “Trata-se de uma pesquisa qualitativa, onde foram abordados no centro de Araranguá, 110 entrevistados que responderam a 08 perguntas”, revelou. O trabalho apresentado na verdade faz parte do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) da acadêmica, que em forma de workshop, trouxe informações bastante interessantes. Inicialmente, Emily falou sobre os elementos que devem ser levados em conta na hora de fazer a vitrine, como público-alvo, praça da loja, iluminação, cores, decoração e merchandising. Algumas respostas revelaram que, através da vitrine, a maioria dos entrevistados já comprou, avaliou se a loja vende produtos caros ou baratos e considera a vitrine importante. Na análise da pesquisa, Emily concluiu que o tipo de vitrine que mais atrai o público araranguaense é aquela que possui organização, harmonia, simplicidade e clareza.

Sempre dando suporte à sua aluna, a professora Graziela B. Kauling também fez algumas abordagens, alertando sobre a importância da vitrine. Segundo Graziela, o consumidor olha para a vitrine “buscando novidades”, e que ela é, na verdade, um “vendedor silencioso”. Professora e acadêmica ainda deram algumas dicas sobre vitrines promocionais, sazonais e conceituais, falaram que deve haver sempre harmonia entre os elementos expostos e deram exemplos do que deve ou não ser utilizado na sua montagem.

Imagens

Outras notícias